5 tecnologias que aumentaram 2017

Publicado a: 3 Janeiro, 2018

Categoria: Realidade Aumentada

Visualizações: 198

Tags: ,

Com o lançamento do livro “A Realidade Morreu – Viva a Realidade Aumentada!”, sinto que amigos e família têm uma maior vontade de conversar comigo sobre tecnologia. Isso e fazerem piadas sobre Realidade Aumentada e mesmo nesses casos as conversas acabam comigo num discurso alarmista. Geralmente, não sou dado a pessimismos e não me sinto tão bem neste papel de Velho do Restelo. Contudo, vejo as mudanças a surgir num ritmo alucinante.

Acho que nunca disse tantas vezes “Não é Futuro, é Passado – o impacto é que chega depois” mas é verdade que nenhumas destas transformações vão acontecer: já aconteceram; que o impacto delas só chegará mais tarde e de forma esmagadora; e que me sinto muito pouco preparado para as mudanças que vão ocorrer em 2020. Fiz abaixo um apanhado de como 2017 foi um ano de viragem para todos nós, com a ajuda de Realidade Virtual e Realidade Aumentada – e repito: só estou a falar do Passado:

  • As Redes Sociais estão a transformar-se com Realidade Virtual (VR). Em 2017, outros seres humanos viram jogos de futebol, exploraram o espaço sideral ou dançaram juntos no Facebook Spaces, TheWaveVR ou no LiveLikeVR. Todos estes serviços funcionam da mesma forma: o utilizador cria um avatar para interagir com outros avatares, criados por outros utilizadores. É o mesmo que ver um concerto com amigos? Não, é uma experiência diferente que aproxima pessoas à distância e os custos por evento são muito menores;
  • Chegaram os novos Salões de Jogos VR (ou Arcades VR) um pouco por todo o Mundo e também em Portugal. Na China, 2017 trouxe o maior parque temático de Realidade Virtual. Estes espaços são os principais embaixadores da tecnologia,mas não servem apenas para jogos. Estão a transformar indústrias por completo: a HolodeckVR permite a todos visitarem casas à venda noutras cidades ou uma feira a decorrer a milhares de kms de distância;
  • Apple, Facebook, Microsoft, Amazon, Google, Samsung, Sony – todas as principais marcas lançaram novidades em 2017 e têm estratégias definidas para a Realidade Virtual e/ou Aumentada.
  • Nunca houve tanta aplicação com Realidade Aumentada na App Store. Não existe uma lista única das melhores, mas nesta o Puzzlar, criado por uma equipa portuguesa, foi considerado o melhor!
  • Uma empresa chamada Neurable conseguiu ligar o cérebro de um utilizador a uma experiência de Realidade Virtual. No SIGGRAPH 2017, foi apresentado o Awakening , um jogo que empresta ao utilizador poderes telequinéticos que lhe permitem voar, mover objetos ou lutar contra inimigos no jogo usando o poder da mente. Uma experiência sem PC’s, telemóveis ou fios – esse é o grande objetivo da Realidade Virtual e 2017 trouxe essa tecnologia;

Estas transformações já alteraram a sua ou a minha vida? Não muito. O impacto demora a chegar, porque só fará sentido massificar depois de as melhores soluções serem reveladas pelo mercado. Mas é inegável que estamos nesse caminho, que a velocidade da transformação digital acelerou e que agora corremos o risco de organizações e pessoas ficarem encalhadas em vagas sucessivas de analfabetismo tecnológico.

Esse é o maior risco com que temos de aprender a viver nas próximas décadas. E é igualmente a maior oportunidade. 😊

Luís Martins
Head of Marketing no IT People Group
LinkedIn | Luís MartinsBiografia Completa | Luís MartinsSite IT People Group
Partilhe este artigo:
Share on Facebook10Share on LinkedIn50Share on Google+0Tweet about this on Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *