Minsait ajuda a impulsionar a recuperação do turismo

Publicado a: 20 Julho, 2020

Categoria: Notícias

Visualizações: 162

Tags: , , ,

A Minsait redesenhou a sua oferta de turismo inteligente com um foco integral e completo para impulsionar a atividade face à pandemia, incidindo na digitalização das operações e interação segura, personalização dinâmica da oferta e gestão de crises.

A Minsait, uma empresa da Indra, redesenhou a sua oferta de soluções de turismo inteligente para ajudar cidades e territórios a desenvolver destinos turísticos mais seguros, competitivos e sustentáveis, que enfrentem os desafios da pandemia COVID-19 e tracem planos de resiliência em áreas como a criação de emprego, gestão de novos riscos sanitários e climáticos ou a expansão urbana.

A crise da COVID-19 está a causar um impacto extraordinário na economia, com especial relevância no setor de turismo. De acordo com o INE (Instituto Nacional de Estatística), antes da quarentena o alojamento turístico registou 1,6 milhões de hóspedes e 3,8 milhões de dormidas no mês de fevereiro, o que significa um aumento de 15,3% e 14,7% respetivamente; em janeiro assinalaram-se aumentos de 12% e 7.7% na mesma ordem.

Para Portugal o setor do Turismo é a maior atividade económica exportadora, responsável em 2019 por 52,3% das exportações de serviços e por 19,7% das exportações totais. As receitas turísticas tiveram um contributo de 8,7% no PIB português.

Em 2019 registou-se um aumento de emprego no turismo (336,8 mil empregos em 2019), que têm um peso de 6,9% na economia nacional. O INE indica que uma quebra de 25% no turismo pode representar uma redução de 2,9% no PIB anual de Portugal.

Para Joana Miranda, diretora da área de Administração Pública e Saúde da Minsait, “é necessário recuperar o setor, adotando modelos de revalorização do destino com novos canais de promoção e relação, para oferecer uma visão 360º do turismo; a integração do mundo físico com o digital para gerir em tempo real os distintos espaços; e a utilização de técnicas avançadas de analítica para retirar valor das interações do turista. É preciso antecipar as necessidades do turista, com base numa estratégia de resiliência que permita a recuperação.

A Onesait Government Tourism, a plataforma Minsait que responde às necessidades atuais e futuras da gestão inteligente e resiliente de destinos turísticos, facilita a implementação deste novo modelo com uma abordagem baseada na inteligência e no uso de dados.

“A recuperação do turismo vai exigir maior transparência e confiança, de forma a que os viajantes considerem regressar. A tecnologia fornece conhecimento personalizado por parte de quem viaja e informações das suas preferências, de forma a oferecer uma experiência que garanta segurança durante a viagem e na estadia”, indica Joana Miranda.

Gestão integrada do destino

A Onesait Goverment Tourism permite a integração de todos os atores e sistemas, através de soluções interoperáveis ​​e abertas, num modelo de colaboração entre o setor privado e as administrações públicas, que gera confiança aos visitantes, melhora a reputação dos destinos turísticos e facilita a definição e adoção das medidas necessárias para adaptar produtos, canais, recursos, serviços e infraestruturas; sempre com o intuito de oferecer todo o tipo de garantia contra qualquer crise.

Entre outros benefícios, a Onesait Government Tourism eleva a integração do turista com o território, aumenta a segurança sanitária dos visitantes nos espaços turísticos, reduz os custos de manutenção do património cultural e facilita o planeamento de eventos através de análises preditivas e simulação de cenários. A sua contribuição para o crescimento da economia local também é relevante, facilitando o desenvolvimento de ofertas combinadas entre diferentes empresas e a comercialização para gerar uma proposta mais atrativa.

Como elementos diferenciais da plataforma, Joana Miranda destaca a integração da gestão unificada de todos os elementos do destino, desde a monitorização e operação à promoção do turismo, a inteligência distribuída para tirar o máximo dos dados “analisando em tempo real os fluxos turísticos para aumentar a segurança e oferecer propostas personalizadas a cada visitante” ou a produtividade do destino “impactando diretamente a economia local”.

A Onesait Government Tourism possui um extenso portefólio de soluções baseadas em sensores, aplicações, beacons e câmaras, entre outros, que fornecem resiliência inteligente a cada destino de acordo com as necessidades, em áreas como controlo de capacidade e manutenção preventiva do património, novos canais de interação e promoção, atração e gamificação do turismo, portais e serviços locais, ou insights turísticos.

Veja aqui mais notícias do Falando TI.

Partilhe este artigo:
Share on Facebook
Facebook
0Share on LinkedIn
Linkedin
Tweet about this on Twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *