Social com Fidelidade

Publicado a: 29 Julho, 2015

Categoria: Marketing

Visualizações: 1246

Tags: , , ,

O Facebook e as redes sociais são ótimos para “espalhar” conteúdo e atingir milhares de pessoas, mas não é o lugar para acumular o seu público. É necessário algo complementar, sob seu controle.

Depois de impactar na rede social, deixar o seu público lá é um tiro no pé. É perder tempo e dinheiro.

Isso porque você acumulou milhares e milhões de pessoas e hoje não sabe quem são e principalmente não conseguem impactar a maioria novamente e de forma recorrente. Consegue? Qual o percentual de quem curte sua marca, está engajado?

E quer mais?… ajudou a inteligência da rede social saber quem são para que os levem a seu concorrente. É só pagar.

Então qual a solução? Pense em fidelizar a audiência. Essa é a solução complementar. Levá-los para um ambiente particular da sua empresa, em que o cadastro e o engajamento seja contínuo, mas sob seu controle.

Na rede social, jogue a isca, mas a pesca tem que ser no que chamamos de programa de fidelidade social. Para manter a chama acesa usa-se gamification. Quanto mais são engajados, mais ganham pontos, medalhas, destravam desafios e status.

Como exemplo, no Facebook vai só parte do conteúdo. O restante é lá no seu território, e principalmente apoiado por um mecanismo que faça o público retornar continuamente, do tipo: veja mais e ganhe 100 pontos, digitando o código “ESPECIAL”.

Assim fica fácil todos absorverem seu posicionamento, ficarem sabendo do novo lançamento ou de promoções. Ganhar e reter esta atenção hoje em dia é mais importante do que nunca.

E o números. No case da Cineart, uma rede de cinemas, se somarmos quase 4 meses do engajamento do Facebook, entre curtidas, comentários e compartilhamentos, o número é batido em somente 1 dia no clube de relacionamento com gamification. Isso mesmo, 4 meses em 24 horas.

Em outros casos, como do cantor Thiaguinho, com um público mil vezes menor, o resultado já era o dobro. Para a loja de calçados Sergio’s o engajamento já era 12 vezes maior no primeiro mês. Tudo fica rápido, fácil e barato para conseguir resultados impossíveis com as impostas limitações dentro da rede.

Somente com uma relação direta, é possível influenciar comportamentos, seja para engajamento, reconhecimento e produtividade, participação, chegando em fidelidade e vendas.

E tudo com cara de diversão.

Diego Fernandes
Diretor Executivo do Grupo 1a1
LinkedIn | Diego FernandesBiografia Completa
Leia mais artigos deste autor.

 

Partilhe este artigo:
Share on Facebook
Facebook
0Share on LinkedIn
Linkedin
Share on Google+
Google+
0Tweet about this on Twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *